• A-B-C: Atenção ao

    melhor colostro

    A primeira alimentação merece total atenção

Cronograma de alimentação de colostro para bezerras

As primeiras 24 horas são cruciais para o desenvolvimento da imunidade da bezerra recém-nascida. As bezerras devem receber um volume considerável de colostro dentro de uma hora do parto. O conselho do Sprayfo para a ingestão de colostro nos três primeiros dias é mostrado abaixo.

Dentro de até uma hora do nascimento

A primeira mamada do colostro determinará a resistência da bezerra às doenças nas primeiras semanas de sua vida. Isso provavelmente torna essa refeição a mais importante da vida do animal. A capacidade de absorção de anticorpos é máxima em bezerras durante essa primeira hora após o nascimento, e diminui a cada hora que passa. A primeira mamada do colostro envolve, acima de tudo, velocidade, qualidade, volume e temperatura. O Sprayfo aconselha:

  • 4 litros de colostro em até uma hora após o nascimento.
  • A qualidade do colostro deve ser verificada no que tange à concentração de anticorpos (medidor de colostro) e pureza (óptica).
  • Temperatura do colostro de 40°C, a mais próxima possível da temperatura do corpo da bezerra.

Dentro de 24 horas

Após uma boa primeira alimentação, a bezerra pode se virar por algum tempo. A segunda alimentação deve ser administrada pelo menos 12 horas após a primeira. Se a bezerra bebeu 4 litros na primeira vez, cerca de 2 litros de colostro serão suficientes na segunda rodada. Não force as bezerras ao oferecer a segunda alimentação: 4 a 6 litros são suficientes no primeiro dia. A partir da segunda alimentação em diante, você pode usar o colostro misturado de vacas saudáveis.

Dias 2 e 3

Nos dias dois e três, alimentar 3 litros de leite de transição (o leite após o colostro, que não é aceito para processamento de fábrica) duas vezes ao dia. Ele deve ser administrado preferencialmente usando um balde com bico a 70 cm de altura. Particularmente nos primeiros dias, a ação de sucção da bezerra tem um efeito positivo sobre a digestão do leite, reflexo esofágico e produção de enzimas (graças à produção de saliva adicional).

Esse leite também deve ter uma temperatura de cerca de 40°C. Portanto, é importante que a bezerra beba esse leite rapidamente, em vez do volume de leite frio que é deixado no balde por horas.