Etapa 1 na criação bem sucedida: Cuidados no nascimento em grandes detalhes!

Cuidados no nascimento em grandes detalhes

Quantos partos de bezerras você realizou até agora? Possivelmente centenas? O processo de nascimento tornou-se rotina? Você provavelmente responderá que não. Afinal de contas, cada nascimento é único, e exige a sua total atenção para a vaca e a bezerra. O seu método atende todas as condições para um cuidado adequado no nascimento e higiene? Compare-o com o protocolo para a primeira etapa de sucesso no processo de criação.

1. Baia de parição

  • Ao projetar o barracão de parição, pense na conveniência para si próprio e no conforto e na higiene para a vaca e a bezerra.
  • O padrão para o número de baias de parição é de 3% do número total de gado leiteiro, por exemplo, 3 baias por 100 vacas.
  • A diretriz para o tamanho da baia é de 8 a 20 m².
  • Certifique-se de que é fácil monitorar a vaca.
  • A baia deve ser acessível com um trator ou carregadeira. Isso permite a fácil movimentação de uma vaca doente, caso necessário, e para limpar a baia de parição.
  • Evite o estresse! A vaca parirá mais facilmente se mantiver contato com o restante do grupo. Se a baia de parição for completamente isolada, transfira a vaca para a baia de parição alguns dias antes do parto para que ela possa se acostumar com ela.

Vídeo: A baia de parição na fazenda leiteira do Sr. Hoving

2. Higiene da baia de parição

  • Uma boa ventilação e um ambiente fresco são essenciais.
  • A baia de parição deve estar seca, limpa e desinfetada, com uma camada nova de palha.
  • Vista roupas e botas limpas antes de entrar na baia.
  • Certifique-se de oferecer água potável fresca e limpa e uma boa oferta de ração.

3. Limpeza da região traseira da vaca

  • O parto sempre implica um risco de infecção. Coloque a higiene em primeiro lugar.
  • Comece limpando e desinfetando cuidadosamente a região traseira da vaca.
  • Isso previne a infecção da bezerra, bem como corrimento e infecção do útero e retenção da placenta.
  • Certifique-se também de desinfetar quaisquer equipamentos para evitar infecções.

4. Nascimento da bezerra

  • Uma vez que a bezerra nascer, verifique se ela está respirando.
  • Se ela estiver respirando adequadamente, remova-a da vaca imediatamente. Isso minimiza o risco de infecção por meio do contato com esterco (incluindo paratuberculose), especialmente se a situação de saúde da fazenda não for ideal.
  • Se você preferir, faça a vaca lamber a bezerra até limpá-la. Para isso, coloque a bezerra na frente da vaca, de preferência separada por uma manjedoura. Seja qual for a situação, evite ao máximo possível o risco de a bezerra ingerir estrume.

5. Esfregando a bezerra para secá-la

  • Esfregue a bezerra vigorosamente com palha para secá-la.
  • Isso promove o processo de respiração e a circulação sanguínea, o que ajuda a bezerra a ficar de pé mais rapidamente. A maioria das bezerras fica de pé dentro de 60 a 90 minutos após o nascimento.
  • Esfregar a bezerra até deixá-la seca também estimula a evacuação inicial das fezes e urina, e ajuda a evitar que ela esfrie.

6. Desinfecção do umbigo

Limpe o umbigo com tintura de iodo (em uma solução de iodo a 10%). Certifique-se de que suas mãos estejam limpas e não derrame nenhuma tintura de iodo no umbigo!

7. Baia/Iglu individual

  • Coloque a bezerra em uma baia ou iglu bem limpo e desinfetado contendo palha limpa.
  • Baias móveis são mais fáceis de limpar via pulverização.
  • Certifique-se de que você tenha muitas baias individuais em relação ao número de bezerras, para que elas possam ficar vazias por um tempo. Isso permite assegurar uma ótima higiene.

8. Colostro dentro de 1 hora

  • Dentro de uma hora após o nascimento, alimente a bezerra com 4 litros de colostro de qualidade controlada.
  • A bezerra está geralmente alerta o suficiente para beber em uma mamadeira logo após o nascimento.

Veja o protocolo de colostro Sprayfo para a primeira mamada de colostro.

9. Lavagem da área traseira e da vulva

  • Lave a parte traseira e a vulva da vaca com água fria para reduzir qualquer inchaço.
  • Deixe a vaca descansar por 5 a 10 minutos e, em seguida, faça-a se levantar. Isso traz o útero de volta para a sua posição e libera quaisquer nervos e vasos sanguíneos bloqueados.
  • Se a vaca continua fazendo força, verifique a existência de uma segunda bezerra (caso contrário, a vaca pode ficar de pé imediatamente). A placenta deve ser expelida no prazo de até 6 horas. Se isso não ocorrer, avise um veterinário.

10. Fornecimento de bebida energética

Após o parto, é importante suplementar quaisquer líquidos e minerais perdidos pela vaca. Portanto, alimente-a com uma bebida energética, como Farm-O-San Reviva, imediatamente após o parto. Isso ajuda a estabelecer um bom equilíbrio energético e o consumo de forragens pela vaca.

Perguntas sobre cuidados no nascimento na sua fazenda?

Você tem planos para renovar seus currais para bezerras e estaria interessado em receber conselho? Deseja saber mais sobre os riscos de saúde relacionados à criação de bezerras? Pergunte ao especialista Sprayfo na sua região!

Assessoria direta